Segunda-feira, 15 de Maio de 2006
General Sem Medo
Cumpre-se hoje o Centenário do nascimento de Humberto Delgado. O ex-candidato presidencial, ficaria para a História como o homem que abalou o antigo regime. Quando lhe foi perguntado que postura tomaria face ao primeiro-ministro (Presidente do Conselho) Salazar , respondeu com a célebre frase "obviamente, demito-o", que ainda hoje é frequentemente citada na política portuguesa em diversos contextos e variações.Em 1959 é suspenso das Forças Armadas e obrigado a refugiar-se na Embaixada do Brasil, seguindo depois para o exílio na Argélia, onde procura outros apoios e aliados Ben Bella, o Partido Comunista Português (PCP) e os movimentos de libertação das colónias portuguesas, entre outros.
É assassinado em Villanueva del Fresno
(Espanha, nos arredores de Olivença) por um comando da PIDE liderado por Rosa Casaco no início de 1965. (Informação a Itálico retirada deste site.
)
http://www.humbertodelgado.pt

tags:

publicado por Ricardo Cataluna às 00:02
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De Abade.anacleto a 16 de Maio de 2006 às 12:28
Fui Vila Nueva del Fresno sentir a morte desse nosso personagem tão célebre que antes de ser opositor era um autêntico delfim de Salazar. Mudou de ideias ao "ver" como era nos EUA (!). Uma figura que respeito acima de tudo pela coragem, pelo resto respeito-o com algumas reservas.


De RCataluna a 15 de Maio de 2006 às 22:42
Sónia:

Concordo plenamente! Julgo que deveria ser mais estudado nas nossas escolas.

Boa semana!

Trequita:

Concordo. Esta discussão é interesante para tentar perceber até que ponto é que as coisas teriam corrido melhor ou não.

Boa semana!

Maremoto:

Admito que é muito fácil "fabricar" uma história/mito em relação a esta personalidade. Sobretudo se os elemntos históricos não são muito fiáveis. É interesante perceber se, caso ele tivesse sido eleito, as coisas teriam sido diferentes ao não, e até que ponto esses acontecimentos influenciariam o nosso presente.

Boa semana e abraço!


De maremoto a 15 de Maio de 2006 às 18:59
Será assim um herói tão evidente? Não terão construido o mito depois da realidade!


De Trequita a 15 de Maio de 2006 às 18:02
Foi um pensador de vanguarda, em tudo é preciso oportunidade e o país nessa altura ainda não estava organizado para este tipo de pensamento... levou ainda algum tempo para que tudo se resolvesse!
É realmente pena que tivesse sido assassinado, se tivesse vivido talvez fossem salvas muitas vidas no Ultramar...


De sónia a 15 de Maio de 2006 às 13:49
Um dos grandes heróis da nossa História moderna! Pena que muitos o ignorem...


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
Twitter
Receba O Bom Gigante por mail

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Podcast

Subscribe Free
Add to my Page

 Subscreva o podcast d' O Bom Gigante

pesquisar
 
E-Learning
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Links
Rádio do Blog
subscrever feeds