Sexta-feira, 13 de Junho de 2008
À atenção do Sr. Barroso

Depois dos resultados do referendo ao Tratado de Lisboa realizados na Irlanda, resta à União Europeia e seus dirigentes uma de duas opções: ou assobia para o lado e continua a construção europeia, ignorando os pontos de vista dos cidadãos (relembre-se o referendo nos outros países); ou encara, definitivamente, o problema de frente e revê a estratégia da União.

 

A este propósito, reencontrei um livro que a minha irmã me ofereceu, qundo comecei a ter consciência política. Esse livro tem algumas passagens interessantes:

 

"... sempre considerámos que o processo de aprofundamento da construção europeia deveria ser feito de uma forma gradual, de modo a permitir aos cidadãos compreender e assimilar as profundas alterações que se têm verificado, criado as condições para garantir a legitimação perante os cidadãos..."


"...O maior desafio de todos será o da reconquista da adesão dos cidadãos (...) importa , acima de tudo, assegurar a transparência a transparência dos mecanismos de tomada de decisão, simplificar e encontrar soluções institucionais equilibradas e equitativas..."


"...porque o futuro é incerto e o dogmatismo é sinal de insegurança, devemos manter o modelo europeu sempre em aberto. Seria um erro gravíssimo tomar em matéria institucional decisões dogmátivcas e fechadas."

 

Os sublinados são meus.

 

O livro de onde retirei estas citações chama-se Uma certa ideia de Europa e foi escrito por Durão Barroso.



publicado por Ricardo Cataluna às 17:51
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De zig a 15 de Junho de 2008 às 02:40
Já viste 25 (27) cozinheiros a fazer a mesma sopa? Sai estragada, certamente!

Não se pode agradar a toda a gente, e os irlandeses sempre foram um povo à parte, sempre se opuseram contra tudo que "manda", isto não é de agora. No entanto, este referendo foi, mais uma vez, político, sem ter nada, ou quase nada, a ver com a questão europeia de fundo!


De Ricardo Cataluna a 15 de Junho de 2008 às 16:03
@zig:

Eu acho que tens razão. Mas o problema é que eles (UE) não podem apregoar que se preocupam com a opinião dos cidadãos e, na prática, fazerem o oposto!


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
Twitter
Receba O Bom Gigante por mail

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Podcast

Subscribe Free
Add to my Page

 Subscreva o podcast d' O Bom Gigante

pesquisar
 
E-Learning
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Links
Rádio do Blog
subscrever feeds