2 comentários:
De Dylan a 13 de Maio de 2010 às 01:12
O treinador do SC Braga tinha previsto que algo ia acontecer. Realmente acertou - um vulcão entrou em erupção na Luz debitando para a atmosfera cinzas vermelhas que cobriram o espaço aéreo nacional de norte a sul do país, também em África, na Ásia e na Europa. O magma incandescente derreteu os maus perdedores, sempre prontos a minimizarem as vitórias dos outros através da intimidação e comunicados dignos de uma taberna do interior. Falaram em túneis - esqueceram-se do verdadeiro precursor do túnel nauseabundo dos anos 90 -, criaram um artificial candidato ao título que, apesar da sua boa época desportiva, foi sustentado por erros arbitrais. Mesmo assim, venceu a melhor equipa: o Benfica. Com um futebol vistoso, com o melhor marcador, com o maior número de golos marcados e menos sofridos, com jogadores ameaçando transferências milionárias, com mais espectadores e carregados por um andor - os adeptos. Como diz Chico Buarque: foi bonita a festa, pá!





De Ricardo Cataluna a 23 de Maio de 2010 às 13:05


Comentar post