Quarta-feira, 19 de Abril de 2006
Desafio Solidário
Mais um desafio, desta vez lançado pelo João Espinho e a sua extraordinária Praça! Consiste em divulgar uma Associação Humanitária (Nacional ou Internacional). Posteriormente, deverei lançar o desafio a outros companheiros da blogosfera. Cá vai:

Decidi escolher a Associação de Cidadãos Auto-Mobilizados. Um dos grandes flagelos da nossa sociedade é a "matança" a que assistimos diariamente nas estradas portuguesas. Julgo que ainda não houve coragem política e cívica para lidar com o problema de frente.

Segundo os seus estatutos a ACA é uma instituição particular de solidariedade social que promove:
a) O fim da guerra civil nas estradas portuguesas, advogando um pacto social que valorize a segurança e a cidadania nos transportes. Defender os direitos humanos e cívicos dos transeuntes (sejam eles condutores, passageiros ou peões) e pugnar pela sua responsabilização cívica.
b) Mediar conflitos entre os cidadãos e o Estado e entre interesses particulares e colectivos, assim como exigir responsabilização dos poderes públicos e dos agentes políticos, financeiros e económicos, em matéria de segurança, fiscalização e regulamentação.
c) Promover a defesa da qualidade de vida, do ambiente e de um desenvolvimento sustentado num Portugal tornado sociedade automóvel, questionando, investigando, discutindo e agindo.


Geralmente, os números falam dos mortos e dos acidentes, esquecendo-se de famílias que ficaram destroçadas, de pessoas que ficam neste mundo num sofrimento silencioso por aqueles que partiram em circunstâncias trágicas.

Não vou desafiar ninguém em particular. Desafio-me a mim e a todos, para que tenhamos cada vez mais consciência ao volante, respeitemos as regras de trânsito e pensemos que não somos nós que andamos na estrada.

http://www.aca-m.org

tags:

publicado por Ricardo Cataluna às 09:59
link do post | comentar | favorito

3 comentários:
De RCataluna a 20 de Abril de 2006 às 16:33
Nikonman:

Abraço!

Zig:

Concordo plenamente, fazia falta uma organização destas.

Abraço!


De Zig a 19 de Abril de 2006 às 20:39
Esta associação começou pelo luto de um único homem que perdera um familiar, salvo erro, a própria mulher. Fazia falta uma associação dessas em Portugal.
No fim-de-semana passeei muito pelo Alentejo, com velocidade moderada, volta e meia fui ultrapassado por uma daquelas "bombas", ou aquelas que pensem que têm uma, a velocidades que assusta qualquer um. Parece que ainda depois de tantas campanhas de esclarecimento há idiotas na estrada que pensam estar numa pista de corridas.
Ainda agora fui ultrapassado por uma idiota entre a rotunda perto da Quinta del Rei e a ponte sobre o caminho de ferro, com trânsito contrário, tivemos que travar ao fundo se não o acidente tinha sido inevitável. Depois essa individua circulou à minha frente até o jardim público como se nada tivesse acontecido. Só visto!


De nikonman a 19 de Abril de 2006 às 10:34
Muito oportuno.
Abraço.


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
pesquisar
 
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Favoritos

A Inquisição voltou. Nós ...

Links
subscrever feeds