Domingo, 6 de Agosto de 2006
Breve lista das coisas mais ridículas, estúpidas e inúteis da TV Portuguesa
- O envio de jornalistas, em reportagem, para locais onde ocorrem fenómenos metereológicos... normais. Por exemplo: na Serra da Estrela, no Inverno, faz frio e neva. Então, o inaudito jornalista interpela um transeunte para fazer a sacramental pergunta - "Então, está frio, hein?"

- As novelas portuguesas estão na moda. Elaboradas por especialistas em corta e cola, contam com enredos baseados em paixões-entre-2-jovens-que-se-vai-a-ver-e-afinal-eram-irmãos-mas-no-final-já-não-são; contam com a participação de actores que trabalham 37 horas por dia; o título da novela remonta a um refrão de uma música portuguesa dos anos 90.

- O final dos telejornais com notícias tão importantes como: o rato que faz surf; a melancia de olhos azuis; o velhote de 122 anos que dá aulas de strip-tease a invisuais.

- As assistências dos programas da manhã, especializadas no batimento descompassado de palmas, mestrado em sorrisos amarelos e doutoramento em movimentação de ancas ao som de bandas rascas brasileiras.

- Vocabulário das transmissões de futebol: "a força da técnica contra a técnica da força"; "entrada por trás"; "o jogador foi ensaduichado" - Sporttv ou Canal 18?

- Porque é que todas as séries portuguesas de "qualidade" são escritas pelo Moita Flores?

- Aquelas pessoas que ligam para os programas de debate abertos aos telespectadores e que têm opiniões como: "Não é que eu seja xenófobo, só não gosto é de estrangeiros."

- A utilização de material de som para a Júlia Pinheiro - é um equívoco, um desperdício e um tormento para os telespectadores.

- Cláudio Ramos.

Esqueci-me de alguma coisa?

Este texto também está disponível n'
A Taberna dos Inconformados.

tags:

publicado por Ricardo Cataluna às 01:02
link do post | comentar | favorito

7 comentários:
De RCataluna a 10 de Agosto de 2006 às 23:40
Cruzeiro:

... e infelizmente a lista é infindável...


De Cruzeiro a 10 de Agosto de 2006 às 22:23
É como tu disseste, é o reflexo do país que somos.


De RCataluna a 7 de Agosto de 2006 às 22:49
Zig:

Sou mais cáustico com a TVI. Até acho que a RTP melhorou muito nos últimos anos. Mas aquela Júlia Piheiro... Jesus...

Abraço e boa semana!

Chico:

Boa! EhEhEh! Também gosto daqueles que ligam para o programa com o som da tv muito alto e faz um feedback enorme e depois não conseguem tirar o som. Ou aqueles que dizem uma de duas coisas: o que faz falta é um novo 25 de Abril/o que faz falta é um Salazar a cada esquina...

Abraço e boa semana!

Abade Anacleto:

Realmente a lista é muito breve. Dava para criar um blog!

Abraço e boa semana!

Restaurador:

Espero que as férias tenham sido boas!
Exactamente! Acaba por ser um reflexo do País que somos.

Abraço e boa semana!


De O Restaurador a 7 de Agosto de 2006 às 20:09
Depois admiram-se que os portugueses tenham um baixo nível de cultura...

Abraço!


De Abade.anacleto a 7 de Agosto de 2006 às 19:15
Uma lista inequívoca da nulidade que transcende o razoável (o nulo), são "temperaturas abaixo do zero". O pior é que se poderia ir aumentando a lista "ad eternum".
Um abraço e uma boa semana.


De Chico a 7 de Agosto de 2006 às 10:27
"Não é que eu seja xenófobo, só não gosto é de estrangeiros."

Ehehehehe...

José Silva, é taxista e fala-nos da Buraca:
"cá para mim, era encostá-los a uma parede e ia tudo a eito!"


De Zig a 6 de Agosto de 2006 às 21:02
Não sejas tão mau! Por alguma razão vejo quase sempre a RTP1 e a 2....

Já tive o "prazer" de ser entrevistado em directo por Julia Pinheiro! Ela estava-se completamente nas tintas o que eu tinha para dizer, olhando sempre para o relógio....


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
pesquisar
 
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Favoritos

A Inquisição voltou. Nós ...

Links
subscrever feeds