Quinta-feira, 8 de Maio de 2008
A teoria do detergente da loiça


Depois da visita de Jerónimo de Sousa a Angola e das suas inacreditáveis declarações ao Avante, gostava muito de saber qual a reacção do secretário geral dos comunistas à conferência de Bob Geldof em Lisboa. Importa dizer que o sr. Geldof não é, propriamente, uma paladino do grande capital e do imperialismo selvagem.

Já estou a imaginar. Para além de debitar da cartilha, o camarada Jerónimo podia apresentar a teoria do detergente da loiça: o sr. Geldof, representando os grandes interesses das multinacionais norte-americanas, só falou da Luanda Arriba, esquecendo-se, propositadamente da Luanda Abajo, que o camarada Eduardo dos Santos tem apoiado e protegido.

A hipocrisia da diplomacia portuguesa em relação a Angola e a outros estados não democráticos (Cuba, China, ...) é, para além de delirante, um nojo, compactuando, descaradamente, com constantes violações de direitos fundamentais. Não pode valer tudo na nova Ordem Económica Mundial.


publicado por Ricardo Cataluna às 12:27
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De goiaba a 9 de Maio de 2008 às 18:54
Náo há mesmo vergonha - o que há são interesses económicos e corporativos. Veja-se o que se está a passar na Birmânia ( Mianamar é só para os militares).Para os Estados Unidos e seus aliados, "Hussein's", só com petróleo. ( o de Angola já têm na mão)



De Ricardo Cataluna a 9 de Maio de 2008 às 20:23
@goiaba:

Exactamente! Completamente de acordo!


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
pesquisar
 
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Favoritos

A Inquisição voltou. Nós ...

Links
subscrever feeds