Domingo, 27 de Julho de 2008
Áuguem entendji issuaí?*

A propósito desta notícia relativa ao Prémo Camões (supostamente só se consideraram autores brasileiros para a entrega do galardão), achei oportuno lançar algumas opiniões minhas sobre as relações entre Portugal e o Brasil. Creio que, do ponto de vista cultural, as relações entres os dois países banhados pelo Atlântico se assemelham a uma auto-estrada muito larga e boa. Contudo, a circulação faz-se mais num sentido em detrimento do outro. Nós somos muitíssimo mais receptivos ao que vem de lá, do que eles são ao que parte de cá. Que fique claro que não me move nenhum sentimento xenófobo ou racista. Gosto do Brasil e de muitas coisas que vêm de lá: têm músicos, escritores, actores, cineastas, etc, de primeiríssima linha.

O que me incomoda é a ideia (muito em voga no nosso país) de que os nossos artistas gozam de grande aceitação por lá, quando, na minha óptica, tal não corresponde à realidade. Não se podem confundir casos pontuais com a realidade generalizada. O Brasil não conhece Portugal. Nem quer conhecer. Ponto. Seremos sempre o país do Maneu e do Joaquim.

 

* Tradução: Alguém entende essa cena? - depois do acordo ortográfico:)



publicado por Ricardo Cataluna às 18:35
link do post | comentar | favorito

6 comentários:
De zig a 28 de Julho de 2008 às 00:30
Deve ser um piscar de olhos para nos darem petróleo a 100 dolares por barril...


De Ricardo Cataluna a 29 de Julho de 2008 às 00:12
@zig:

Com os piscares de olho que temos feito, deviam vendê-lo a 50:)


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
pesquisar
 
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Favoritos

A Inquisição voltou. Nós ...

Links
subscrever feeds