Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2008
As agências de comunicação fazem milagres!
Ao ver a entrevista do licenciado em engenharia, José Pinto de Sousa, sentia-me como o João. Realmente, o homem não só não vive neste país, como não vive neste planeta!
Para além da arrogância e pesporrência já habituais, o primeiro-ministro insiste num discurso ensaiado e decorado até ao limite dos limites, narcisista e estapafúrdio. Mais deprimente foi o comentário à entevista por parte dos partidos da oposição. A única coisa que a Zita Seabra tem para dizer é que o primeiro-ministro está triste?
Uma última nota: Sócrates também quer um tabu, afirmando que não era altura para falar em recandidatura e que estava concentrado na governação. Mais um exercício de retórica em que a comunicação social caiu que nem uns patinhos. É óbvio que ele se vai recandidatar. Não há ninguém no PS (ainda há PS?) que lhe faça frente. É o típico discurso do homem que luta contra as adversidades, que está à espera de um tsunami de apoio à sua recandidatura. Como é que se diz em polítiquez? Uma vaga de fundo na sociedade que empurre o licenciado em engenharia rumo a mais uma maioria absoluta.

tags:

publicado por Ricardo Cataluna às 13:26
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De RCataluna a 21 de Fevereiro de 2008 às 09:28
@zig:

Não viste? Foi o melhor que fizeste...

@jb:

Eu sei que os jornalistas fazem o seu papel mas, neste caso, até não deviam. Deviam tntar desmontar esta máquina de propaganda e fazer as perguntas adequadas e sem medo!

@suzete evaristo:

Por favor, por favor, faça isso!!!


De Susete Evaristo a 20 de Fevereiro de 2008 às 00:35
Eu por acaso não vi a entrevista estive a prestar serviço na minha associação, tempo melhor empregue. Mas se como dizes o homem esta concentrado, vou ver se vou aos chineses comprar umas garrafinhas para ele se meter lá dentro, como o tomate pelado ou concentrato tás a ver? Depois garanto que não abro a garrafa.


De JB a 19 de Fevereiro de 2008 às 23:15
Ricardo, tabu só mesmo para os jornalistas (alguns nem culpa têm, pois têm de fazer pela vida e escrever o que os chefes mandam), só mesmo um cego é que não vê isso(e olha que conheço alguns que até isso percebem)


De JB a 19 de Fevereiro de 2008 às 23:09
@Zig - esquecendo por um momento que ele é o primeiro ministro de um pais, que esse pais é Portugal e que Portugal é o pais onde vivemos, podemos dizer que o homem tem um ar...vamos la arranjar um nome bonito.... hummmm..... ridiculo mesmo. é impressionante como é que para ele, ir de 7.6% para 8% a nivel de desemprego significa um decrescimo... bem esta foi uma delas... podia dizer aqui mais umas calinadas, que até eu, que de letras... so mesmo o jornal, sacava logo daquelas perguntas de algibeira...
tanto foi ridiculo o PM como os jornalistas...


De Zig a 19 de Fevereiro de 2008 às 21:08
Entrevista? Ele deu uma entrevista? Quem? Já nem lhe ligo!!!


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
pesquisar
 
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Favoritos

A Inquisição voltou. Nós ...

Links
subscrever feeds