Quarta-feira, 1 de Março de 2006
Para onde vais, Beja? Parte 1
Neste fim-de-semana que passou, tive a oportunidade de visitar a Feira do Queijo em Serpa. A cada ano que passa vejo cada vez mais gente a frequentar aquele espaço, chegando-se facilmente à conclusão que se trata de uma aposta ganha por parte da autarquia local, em conjunto com as "forças vivas" da cidade de Serpa. Contudo, a feira do queijo não é um fenómeno isolado. Quem tem a oportunidade de visitar Serpa noutras ocasiões, vê que se trata de uma localidade com muitas iniciativas de cariz cultural: noites na nora, arruadas, etc... Estou particularmente à vontade para falar disto já que não pertenço a nenhum partido político e não nunca votei no PCP. O exemplo de Serpa é importante para provar que a estagnação que se tem vivido em Beja não é responsabilidade dos partidos que estão no poder autárquico, mas sim das mentalidades que determinam o modo de vida no nosso concelho. Quem anda em Beja ao fim-de-semana tem a sensação de andar a vaguear por um cenário de um filme de cowboys com bolas de feno empurradas pelo vento, ou com portas que rangem de um qualquer saloon. Quem já teve a experiência de encontrar turistas a um domingo e estes perguntarem por um sítio onde comer? A resposta é quase sempre a mesma: não sei!
Já chega de eventos culturais das minorias para as minorias. Temos que acabar com esta mentalidade do tipo "deixa-te 'tar sossegado, nã te metas em moengas". Temos de tornar o concelho atractivo para os turistas. Tem de haver uma estratégia clara, que inclua a autarquia, a associação comercial, todos os bejenses. Não se pode, por exemplo, ter uma circulação automóvel que é complicada para quem mora cá, quanto mais para as pessoas de fora. A oferta da cidade não se pode resumir à Ovibeja.
É importante perceber que Beja precisa das pessoas de fora e não deve estar fechada num casulo, deitando as culpas para cima do governo central, de Évora ou da falta de dinheiro. Há que definir o que se quer para o futuro, sem apostar em soluções miraculosas. Portugal precisa de um concelho de Beja forte.

tags:

publicado por Ricardo Cataluna às 16:50
link do post | comentar | favorito

7 comentários:
De andré a 8 de Março de 2006 às 17:12
Os partidos são eleitos em função das mentes. Então porquê culpar os partidos? Enquanto a faixa etária da nossa região for maioritariamente conservadora perduraremos nesta "pasmaceira". Essa mudança certamente passará por não "mandar" as novas gerações embora, pois os que cá ficam pra morrer nada mudarão, em nada inovarão.


De RCataluna a 6 de Março de 2006 às 13:44
Esclarecido!


De nikonman a 6 de Março de 2006 às 10:48
Posso tentar explicar em poucas palavras:
1º - Beja transformou-se no espelho do nacional-conformismo. a maior parte das pessoas não quer saber de mudanças. Preferem estar mal a terem que "arriscar" no que não conhecem;
2º - A máquina do PCP não dorme. Mobilizaram quem tinham que mobilizar. Fizeram as contas e 2 semanas antes das eleições sabiam que as iam ganhar. Mais uma semana de campanha e tinham maioria absoluta.
3º Há muitos interesses instalados a quem não interessa uma mudança.

Bem, e agora pergunta-me: e isto é para durar?

Digo-lhe: é! PS e PSD (partidos que alternam no poder) serão sempre penalizados.
Só há uma solução: PS e PSD apoiarem uma mesma candidatura à CMB. É fácil? Não, não é!


De RCataluna a 4 de Março de 2006 às 20:49
Será que foi por medo da mudança?
Será que foi por satisfação relativamente ao actual estado das coisas?
Não compreendo como se pode perpetuar neste tipo de gestão...
Pode explicar-me o seu ponto de vista?


De nikonman a 4 de Março de 2006 às 19:05
eu não tenho.


De RCataluna a 2 de Março de 2006 às 21:36
Confesso que ainda tenho dificuldade em perceber o resultado das últimas autárquicas...


De nikonman a 2 de Março de 2006 às 14:08
Mas o povo quer a cidade assim morta. Ou será que foi o pessoal das aldeias que decidiu as eleições autárquicas de Outubro?


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
pesquisar
 
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Favoritos

A Inquisição voltou. Nós ...

Links
subscrever feeds