Quarta-feira, 28 de Novembro de 2007
Pensamento
Numa das muitas viagens que tenho de fazer a Moura, ao ouvir um programa de rádio, um senhor desabafava: "Os espanhóis andam a comprar o Alentejo, qualquer dia são donos daquilo...". Se eles compram é porque alguém vende, certo?
Em vez de olharmos para os espanhóis como uma "ameaça", talvez fosse interessante perceber porque é que os alentejanos, em muitos casos, não têm outra hipótese que não seja vender. Porque é que será que tem de ser assim?
À vossa consideração.


publicado por Ricardo Cataluna às 00:45
link do post | comentar | favorito

8 comentários:
De RCataluna a 4 de Dezembro de 2007 às 14:20
13a... radha:

Não percebi...


De 13a... Radha a 2 de Dezembro de 2007 às 21:05
Absolutamente Maravilhoso!


De RCataluna a 30 de Novembro de 2007 às 00:45
zig:

Exactamente!


De Zig a 30 de Novembro de 2007 às 00:35
Estou como vocês, antigamente também pensava como este senhor. Mas, para quem vai em direcção a Serpa a partir de Beja vê a diferença. Pois mais vale a terra ser de um espanhol e ser cultivada do que estar nas mãos de outra pessoa que apenas está à espera pelo subsídio europeu!


De RCataluna a 30 de Novembro de 2007 às 00:31
jocasipe:

Confesso que também tive esse preconceito...

Abraço!

jb:

E os que querem trabalhar são engolidos por um vórtice burocrático e viciado, criado para meia dúzia e que premeia a mediocridade.Como muitas outras coisas na sociedade portuguesa.

Abraço!

h:

Nem mais!

Abraço!


De H a 29 de Novembro de 2007 às 00:21
Concordo em absoluto!!
Até porque, muitos dos que falam, vendem...


De JB a 28 de Novembro de 2007 às 18:46
a diferença e muito simples, os mesmo terreno com portugueses a trabalhar nele dá X, se vier alguem de fora, espanhois ingleses, alemaes, sejam de onde forem da pelo menos 5X ...
a explicação e simples, o tuga nao quer trabalhar, quer a papinha toda feita... e por isso que hoje o pais esta como está e nao e so o alentejo.
cada vez que vou ai a portugal, quando faço lisboa beja, acho impressionante a quantidade de campos com arvores plantadas, sejam oliveiras, pinheiros (sim na zona de figueira de cavaleiros pelo menos ha ali umas zonas com pinheiros), entre outras...
mas penso que em parte a culpa não é so de quem cultiva... acho que tb parte de quem deve incentivar ao cultivo... porque os espanhois vêm ca plantar mas e para depois levarem para espanha... porque os incentivos estao do outro lado... o resto meu caros... acho que nao e preciso continuar que voces chegam lá...


De jocasipe a 28 de Novembro de 2007 às 10:25
Confesso que também tive esse preconceito. Mas, agora que vejo o desenvolvimento que os espanhóis teem trazido para o Alentejo já digo: Venham eles!
Conheço bem o exemplo de Ferreira do Alentejo, pois morei lá 2 anos, e felizmente que os espanhóis lá chegaram. Os campos já são cultivados (oliveira e vinha) e nota-se uma dinamica nunca antes vista.


Comentar post

Contacto
Mail
O meu perfil
pesquisar
 
Posts Recentes

Ponto final

Vindo de quem vem, é supo...

Guia de resgate

Este vai longe...

Fim do terror (?)

Dose Dupla:Soundgarden/Ni...

Blog novo

Espírito de Exigência

Em exibição

Dose Dupla: R.E.M (Mais v...

Arquivos
tags

todas as tags

Favoritos

A Inquisição voltou. Nós ...

Links
subscrever feeds